Telemóvel do primeiro-ministro espanhol foi alvo de espionagem pelo Pegasus

Os telemóveis do primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, e da ministra da Defesa de Espanha, Margarita Robles, foram alvos de espionagem através do spyware israelita Pegasus, indica o relatório do Centro de Criptologia Nacional (CNC), órgão afecto ao Centro Nacional de Inteligência espanhola e responsável pelas investigações criptográficas e tecnológicas.

A intromissão, considerada de origem externa, foi trazida a público pela porta-voz do governo espanhol, Isabel Rodriguez, e pelo ministro da Presidência do Governo, Félix Bolaños, numa conferência de imprensa realizada nesta segunda-feira (2), no Palácio de La Moncloa, em Madrid.

Durante a conferência, Félix Bolaños avançou que, de acordo com os relatórios do CNC, foram realizadas duas intrusões no telemóvel do primeiro-ministro espanhol em Maio de 2021 e uma escuta ao telemóvel da ministra da Defesa em Junho do mesmo ano.

Conforme o ministro da Presidência do Governo de Espanha, a “intervenção ilegal” foi confirmada na sequência de uma investigação que ainda está em curso sobre as comunicações de todos os membros do governo espanhol.

“Tratam-se de factos confirmados e de uma enorme gravidade que confirmam que se verificaram intrusões às instituições estatais e que são ilegais. Estamos perante intervenções ilícitas e externas”, ressaltou Félix Bolaños.

 

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal clicando aqui  !!!

Partilhar artigo:

Somos um portal de notícias, voltado às tecnologias de informação e inovação tecnológica. Informamos com Rigor, Objectividade e Imparcialidade. Primamos pela qualidade, oferecendo aos nossos leitores, a inclusão tecnológica e a literacia digital

+(244) 930747817

info@pti.ao | redaccao@pti.ao

Mais Lidas

Últimos Artigos

Desenvolvido Por SP Media