Elon Musk planeia despedir 25% dos trabalhadores do Twitter

Elon Musk anuncia mudança de logótipo e nome do Twitter

Dias após concluir a aquisição do Twitter, em um processo marcado por várias revira-voltas desde Abril último, a imprensa norte-americana revela agora que o novo dono do Twitter tem em mente um plano de despedimentos em massa, que deverá afectar 25% dos funcionários da empresa. O percentual avançado representa um quarto dos funcionários do Twitter e, de acordo com documentos consultados pelo Washington Post, os despedimentos abrangerão quase todos os departamentos da empresa.

Na prática, a medida representaria a continuação de um processo já iniciado na última semana, com o despedimento de Parag Agrawal, então CEO do Twitter, o director financeiro, Ned Sega, o responsável dos assuntos jurídicos e políticos da empresa, Vijaya Gadde, e o presidente do Twitter desde 2021, Bret Taylor.

O processo de aquisição teve início em Abril deste ano, após Elon Musk propor a compra do Twitter por 44 biliões de dólares. Inicialmente, os executivos da rede social mostraram-se reticentes à proposta, entretanto no dia 25 de Abril o conselho de administração do Twitter aceitou a proposta, dando início a um período conturbado de negociações que foram finalizadas no passado dia 28 de Outubro.

 

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal clicando aqui  !!!

Partilhar artigo:

Somos um portal de notícias, voltado às tecnologias de informação e inovação tecnológica. Informamos com Rigor, Objectividade e Imparcialidade. Primamos pela qualidade, oferecendo aos nossos leitores, a inclusão tecnológica e a literacia digital

+(244) 930747817

info@pti.ao | redaccao@pti.ao

Mais Lidas

Últimos Artigos

Desenvolvido Por SP Media